DE NOVO, DE OLHO NO ANO NOVO

Correndo tudo como previsto, em 2019 deveremos chegar ao 39º título publicado em livro, desde 1981. Sabemos que quantidade não quer dizer necessariamente qualidade, mas, cá entre nós, é quase um por ano!

As novidades, já nos respectivos prelos, são: a coletânea de crônicas “Meu Lote”, organizada pelo polivalente amigo Marcus Fernando (Numa Editora); o romance “Agora serve o coração”, bem-humorada ficção mágico-realista ambientada na Baixada Fluminense (Record) e “Ifá Lucumí, a tradição resgatada”, sobre a prática oracular dos babalaôs, os “pais do segredo”, desaparecida no Brasil desde a década de 1930 e retomada no Brasil, no início dos anos 90, com fixação de sacerdotes cubanos no Rio de Janeiro. Sobre este livro, escreveu Cristina Warth, dirigente da Pallas Editora, fundada por seu pai, o saudoso Antônio Carlos Fernandes: Veja mais

CONVERSA SOBRE A GUANABARA – GloboNews Literatura

Nei Lopes, conversa com Edney Silvestre no “GloboNews Literatura”, sobre seu recém-lançado “Nas águas desta baía há muito tempo” com 18 contos inspirados na Baía de Guanabara.

Exibido em 23/09/2017

NEI LOPES LANÇA “NAS ÁGUAS DESTA BAÍA HÁ MUITO TEMPO” | EBC RÁDIOS

Livro de contos traz personagens reais e fictícios durante a Revolta da Armada

Arte Clube

O escritor e compositor Nei Lopes lança o livro de contos “Nas águas desta baía há muito tempo” (Editora Record). Em entrevista ao Arte Clube, Nei contou que a Revolta da Armada (1893 – 1894) é o elo entre os contos. Personagens reais, como Lima Barreto, Anacleto de Medeiros e Luz del Fuego convivem com outros fictícios, em meio a este episódio histórico. Com humor, Nei conta que há relatos de que, na época, a população subia os morros mais altos para “apreciar” os bombardeios, como se fossem fogos de artifício. Veja mais